Polícia Civil prende investigado por estupro de vulnerável contra a própria filha

90

Policiais civis da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Luziânia prenderam, no dia 13 de julho, um homem de 36 anos suspeito de ter praticado crimes estupro de vulnerável contra sua filha de sete anos de idade. De acordo com as investigações, ele aproveitava as ocasiões em que estava sozinho com a criança para praticar atos libidinosos, consistentes em esfregar o pênis nas partes íntimas da infante.

O suspeito ainda responde a dois processos criminais, sendo um por ameaça e outro por violência doméstica e familiar contra mulher. Interrogado, o investigado negou as acusações que sobre ele pesam.