Polícia Civil prende supostos mandante e executor do homicídio de um jovem de 19 anos em São Luís de Montes Belos

321

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da Delegacia de Polícia (DP) de São Luís de Montes Belos, cumpriu nessa segunda-feira (1º) mandados judiciais relativos a um crime de homicídio ocorrido na cidade.

Os policiais civis deram cumprimento a um mandado de prisão preventiva e a outro de busca e apreensão domiciliar contra um investigado, de 44 anos, que seria o mandante do crime. A vítima do homicídio é Marcos Paulo Borges Mota, de 19 anos. Marcos Paulo foi executado, com diversos disparos de arma de fogo, no dia 22 de outubro de 2020, no bairro Jardim Primavera, em São Luís de Montes Belos. A investigação aponta que o homicídio se deu em razão de vingança e disputa pelo tráfico de drogas na região.

Ainda ontem, em apoio à operação da Polícia Civil de Goiás, a Polícia Militar do Estado do Mato Grosso deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva, expedido pela Vara Criminal de São Luís de Montes Belos, contra o suspeito de ser a pessoa contratada para executar o crime. O homem investigado como sendo o executor, de 22 anos, estava foragido e foi localizado e preso em uma oficina de veículos na cidade de Querência (MT).

Os suspeitos foram recolhidos nas respectivas unidades prisionais e se encontram à disposição da Justiça. O inquérito policial deve ser finalizado no prazo de 10 dias. O executor ainda deve ser interrogado.

A investigação aponta ainda que possivelmente um terceiro teria dado fuga para o executor, o que deverá ser esclarecido nas próximas diligências. Os envolvidos devem ser indiciados por homicídio qualificado por motivo torpe, paga ou promessa de recompensa e pela dissimulação.