Polícia Civil prende suspeito de matar dono de bar em Jaraguá

749

A Polícia Civil de Jaraguá prendeu, no dia 24 de julho, em Anápolis, Thiago Rodrigues de Lima, suspeito de ter matado, em março de 2018, o comerciante Lucas Leite de Andrade. O homicídio ocorreu no estabelecimento da vítima, denominado “O Bar”, no centro de Jaraguá, e provocou grande comoção na cidade. A irmã do prefeito do município também estava no estabelecimento no momento do crime e ficou ferida no braço.

De acordo com as investigações, na noite do crime, a vítima estava sentada no bar, próximo à entrada do banheiro, conversando com amigos. O assassino chegou, se passou por cliente, pediu bebida e foi ao banheiro. Ao sair, o homem, já com a arma em punho, se aproximou de Lucas por trás e, covardemente, efetuou um disparo na parte de trás da cabeça da vítima, que morreu na hora. O crime teve grande repercussão e gerou, inclusive, audiência pública para discutir a segurança no município.

Após inúmeras diligências, a Polícia Civil de Jaraguá conseguiu identificar, localizar e qualificar o autor do crime hediondo. Após representação pela prisão temporária e pela busca e apreensão domiciliar em sua residência, pedidos deferidos pelo Poder Judiciário, Thiago foi preso em casa, em Anápolis. Em seu interrogatório, ele negou os fatos, mas uma testemunha ocular, assim que viu a fotografia de Thiago, o reconheceu imediatamente como sendo o autor dos crimes.

As investigações continuam no sentido de descobrir a motivação e o mandante do crime de sangue, já que Thiago permaneceu em silêncio. O investigado foi transferido para o presídio de Jaraguá, onde permanecerá à da Justiça.