Preso em Novo Planalto homem que gravou vídeos de vítima por buraco no muro

764

A Polícia de Civil de Porangatu prendeu, no dia 1º de abril, Devanir Perpétuo Móia, por crime contra a dignidade sexual. O investigado foi preso em Novo Planalto e confessou que gravou vídeos da vítima por meio de um furo feito no muro que divide o seu local de trabalho e a casa da vítima. Após autorização do suspeito, os agentes tiveram acesso ao celular dele, onde estavam armazenados cinco vídeos, gravados desde novembro do ano passado. O suspeito ainda relatou à equipe policial que compartilhou o vídeo com algumas pessoas da cidade. Findadas as diligências, o suspeito foi encaminhado ao hospital para confecção do devido relatório médico e, em seguida, foi encaminhado à Delegacia de Polícia para as providências cabíveis.