Preso suspeito de abuso sexual a enteada em Palmelo

253

A Polícia Civil de Goiás, por intermédio da equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Santa Cruz de Goiás, cumpriu ontem (7) mandado de prisão preventiva expedido em desfavor de um homem de 37 anos.

O suspeito é investigado em inquérito policial pela prática do crime de estupro de vulnerável cometido contra sua enteada de 28 anos. A jovem é portadora de necessidades especiais de ordem mental. Segundo a investigação, os abusos aconteciam de forma reiterada.

Diante da constatação do crime e considerando sua gravidade e a reiteração delitiva, a autoridade policial representou por sua custódia preventiva, tendo o suspeito sido preso, interrogado e recolhido ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça da Comarca de Santa Cruz de Goiás.

O inquérito policial instaurado segue seu curso com as últimas diligências, inclusive para investigar possível participação de terceiro no crime. A pena para o crime de estupro de vulnerável vai de 8 a 15 anos de prisão.