Preso suspeito de ameaçar matar e esquartejar a mãe e a filha, em Goianésia

191

Um homem de 34 anos foi preso, na terça-feira (8), suspeito de ameaçar matar e esquartejar a mãe, de 57 anos, e a filha dele, de 14, em Goianésia, na região sul de Goiás. De acordo com a Polícia Civil, as próprias vítimas procuraram a delegacia da cidade, relatando que esta não era a primeira vez que ele as ameaçava.

Segundo a delegada Poliana Bergamo, da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Goianésia, o homem foi preso em flagrante e confessou o crime. Em seu interrogatório, o investigado disse que vinha sendo dopado por sua mãe com medicamento de tarja preta e, por este motivo, perdeu o controle e proferiu as ameaças.

O caso ocorreu na tarde dessa terça-feira (08), na casa em que a família mora, naquele município. Pelo fato do suspeito não possuir antecedentes criminais, a delegada arbitrou fiança de R$ 1,2 mil. No entanto, o homem não pagou o valor em questão e foi encaminhado para a unidade prisional da cidade, onde encontra-se recolhido.

Poliana Bergamo ressalta o investigado será indiciado com base na Lei Maria da Penha. “Muitos desconhecem ou acreditam que a Lei Maria da Penha somente se aplica apenas em caso de relação afetiva, mas é importante esclarecer que a Lei Maria da Penha também se aplica no âmbito da unidade doméstica e da família, como nos caos de violência praticados por filhos, netos ou irmãos, desde que presente a violência de gênero”, esclarece.