Suspeito de abusar de sobrinhas netas é preso em Campinaçu

164

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Porangatu, cumpriu, no dia 21 de junho, mandado de prisão preventiva pelo crime de estupro de vulnerável, em desfavor de um homem de 55 anos de idade, suspeito de abusar sexualmente de duas crianças, de 4 e 11 anos.

De acordo com as investigações, os abusos ocorriam há cerca de seis meses, nas casas das vítimas, pois o mesmo tinha livre acesso às residências, por se tratar de tio avô das crianças. O suspeito foi localizado em uma fazenda na zona rural, a cerca de 20 Km da cidade de Campinaçu.

Após os procedimentos de praxe, o preso foi encaminhado à Unidade Prisional de Porangatu, onde ficará à disposição da Justiça. A ação ainda contou o apoio da Polícia Militar de Campinaçu.