Suspeito de estuprar enteada é preso durante operação em Cavalcante

542

A Delegacia de Polícia de Cavalcante cumpriu, no dia 1º de outubro de 2018, mandado de prisão preventiva em desfavor de William Francisco de Torres, em desdobramento da Operação Lolita – Parte V, destinada à repressão de crimes sexuais nos municípios de Cavalcante e Teresina de Goiás. Willian é acusado de estuprar a sua enteada, então com treze anos de idade, por duas vezes, resultando em gravidez na adolescente.

Em sede de inquérito policial, Willian foi indiciado pela prática do crime de estupro de vulnerável, praticado em continuidade delitiva, com a incidência da majorante prevista no Código Penal Brasileiro, por ter resultado gravidez na vítima. Willian foi recolhido ao Presídio da Comarca local, onde permanece à disposição da justiça.