Três são presos em operação contra exploração sexual em Petrolina

252

Três pessoas foram presas nessa quinta-feira (12) em operação deflagrada pela Delegacia de Polícia de Petrolina de Goiás para repressão ao crime de manutenção de estabelecimento de exploração sexual. Ao todo, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão em locais que se intitulavam bares e boates, mas que as investigações apontaram ser casas voltadas à prostituição.

Os flagrantes registrados referem-se ao crime de “manter, por conta própria ou de terceiro, estabelecimento em que ocorra exploração sexual”, previsto no artigo 229 do Código Penal. Um TCO também foi confeccionado pela prática do crime de posse de drogas para consumo próprio.

Em todos os estabelecimentos objetos de busca, foram coletados elementos de prova que indicam a existência de exploração sexual. A ação policial foi coordenada pela delegada de polícia de Petrolina, Karla Poubel.