PCGO em Rio Verde causa prejuízo de R$ 1 milhão ao tráfico de drogas

365

A Polícia Civil de Goiás, por intermédio do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Rio Verde, realizou, no início da noite de terça-feira (16), a prisão de dois homens por tráfico de cocaína, crack e maconha.

Após o monitoramento diário de uma mercearia no setor Jardim das Neves, em Rio Verde, sobre a qual recaíam diversas denúncias de depósito de substância entorpecente, investigadores, durante atividade de campana, perceberam o momento no qual um indivíduo saiu de dentro do local com uma embalagem nas mãos e ingressou num automóvel.

De imediato, foi feita a abordagem dele, sendo encontrada na sua posse um tablete de cocaína. Em seguida, os policiais lhe deram voz de prisão e adentraram na mercearia, onde ainda localizaram mais treze tabletes de cocaína, bem como meio tablete de crack e um tablete de maconha. O dono do estabelecimento se encontrava no local e também foi preso em flagrante por tráfico.

Com a apreensão dos entorpecentes, estima-se que o prejuízo sofrido pelos traficantes, considerando o ciclo completo de comercialização do produto, seja de aproximadamente um milhão de reais.