Polícia Civil encontra R$ 1,3 milhão em Porsche apreendido em operação

832

A Polícia Civil de Goiás encontrou, nesta segunda-feira (9), R$ 1,3 milhão escondidos em malas e sacos que estavam dentro de um Porsche apreendido durante uma operação contra a fabricação ilegal de remédios para emagrecer, os quais eram vendidos em todo o país, pela internet. Ao todo, 11 pessoas estão presas suspeitas de participar do esquema.

A operação Dieta Sadia foi realizada na última quarta-feira (4), em Goiás e Minas Gerais (leia mais), e causou o fechamento da indústria, que ficava em Cachoeira Alta, no sudoeste goiano. O delegado Rafael Gonçalves do Carmo, responsável pela investigação, explicou que a Polícia Civil conseguiu nesta segunda-feira a autorização judicial para abrir o carro, que foi apreendido com um dos detidos durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão.

Com ajuda dos bombeiros, o Porsche teve as portas e o porta-malas arrombados em Rio Verde, cidade da mesma região em que as apurações estão concentradas. No interior do carro também estavam alguns documentos de transferência bancária que serão analisados. Segundo o delegado, o dinheiro será depositado em uma conta judicial.

Os policiais também cumpriram nesta segunda-feira mandados de prisão preventiva contra dois homens suspeitos de envolvimento na produção e venda dos medicamentos falsos. Um foi preso em Rio Verde. Já o outro, em Quirinópolis. O delegado disse que os presos ficaram em silêncio durante o depoimento oficial.