Polícia Civil comemora 20 anos do Grupo Tático 3 – GT3

830

A Polícia Civil de Goiás realizou, na manhã desta terça-feira (29), solenidade de comemoração aos 20 anos de criação do Grupo Tático 3, o GT3. O evento foi realizado no auditória da Academia Superior da Polícia Civil, em Goiânia. Essa é a primeira solenidade de comemoração realizada no dia exato do decreto, assinado em 1999. Além dos policiais que compõem o atual quadro do grupo, estiveram presentes ex-integrantes, fundadores, o delegado-geral da Polícia Civil, Odair José, e autoridades políticas.

Membro do GT3 há 10 anos, o atual coordenador do grupo, delegado André Ganga, destacou que as delegacias especializadas em combate a roubo a bancos e veículos foram as unidades que mais acionaram o grupo, que teve mais de 340 acionamentos apenas em 2018. Com treinamento altamente qualificado, o GT3 atua, principalmente, em situações com existência de reféns, grande operações, atos que envolvam artefatos explosivos ou que exijam adentramento ou armamento especial.

O secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda, exaltou a qualificação do grupo e disse que é objetivo da atual gestão aprimorar ainda mais as condições de trabalho não apenas do GT3, mas da Polícia Civil como um todo. Na oportunidade, o vice-governador Lincoln Tejota também enalteceu o trabalho do grupo. Em sua fala, o delegado-geral Odair José fez referência à estreita ligação entre o GT3 e a direção da Polícia Civil, a quem o grupo é subordinado. “Nosso trabalho tem sido para apoiar todas as ações do grupo”, pontuou.

A solenidade teve homenagem especial aos fundadores do grupo, dos quais a maioria compareceu, bem como aos delegados integrantes da equipe que morreram em maio de 2012, em acidente de helicóptero que vitimou ainda outros três delegados e dois peritos, além do suspeito de uma chacina ocorrida na região de Doverlândia, onde ocorreu o acidente.