“Agora, sim, os assassinos da Polyanna Arruda estão finalmente presos”, diz Delegada

302
Publicitária Polyanna Arruda: morta em setembro de 2009

Tânia Borges, mãe da publicitária Polyanna Borges Arruda, assassinada no dia 23 de setembro de 2009, ouviu hoje à tarde (dia 20.12) da Delegada Geral da Polícia Civil, Adriana Accorsi, a informação oficial da prisão dos assassinos da sua filha. Adriana reconheceu a demora na conclusão do inquérito policial, mas atribuiu o lapso de tempo à complexidade das circunstâncias em que o crime ocorreu. Tânia Borges disse a Delegada Geral que a sua luta não para com a conclusão do trabalho da Polícia Civil em apontar as pessoas que mataram Polyanna Arruda. “Nós teremos de enfrentar uma segunda etapa agora no judiciário, que, tenho plena convicção, condenará os assassinos. Foram presos pela Polícia Civil, Assad Haidar de Castro, Leandro, Garcez Cascalho, Diango Gomes Ferreira e Marcelo Barros Carvalho. O primeiro foi preso no Mato Grosso do Sul e os demais em Goiânia. Os quatro serão apresentados à imprensa amanhã, quarta-feira, às 9 horas, à imprensa.