Associação criminosa que assaltava caminhoneiros é presa em Montes Claros

698

associação aragarçasA equipe da Polícia Civil prendeu em flagrante, no dia 21 de janeiro, pelos crimes de roubo qualificado e associação criminosa, três pessoas membros de um grupo que atuava em Montes Claros de Goiás e região. De acordo com as investigações, a quadrilha atuava em assaltos a caminhoneiros na região e levava a carga para destinos já definidos.

Segundo o delegado Ricardo Galvão, a quadrilha é responsável por mais de dez assaltos ocorridos na região. A carga, de acordo com ele, era entregue dentro do Estado de Goiás e as carretas, levadas para o Estado de São Paulo, onde eram ‘esquentadas’, para dar uma aparência de legalidade ao veículo.

O trio foi detido durante campana de uma equipe da Polícia Civil de Iporá, Montes Claros e Aragarças, em um provável local de cativeiro. No local, foi preso Alexsander Christian de Oliveira Nonato, de 21 anos, no momento em que este acabara de fazer mais uma vítima, a qual foi resgatada logo após ser assaltada.

Todas as guarnições da Polícia Militar da região foram acionadas, sendo a carreta recuperada por uma equipe do GPT de Iporá, que consequentemente prendeu o condutor, Elismar Belmonte dos Santos, de 30 anos, também membro da associação criminosa. Foi presa ainda Jenifer Marceli de Conceição, de 19 anos, que servia de ‘isca’ para os caminhoneiros. A mulher pedia carona e, ao pararem, os caminhoneiros eram abordados pela quadrilha, que anunciava o assalto.