Casa nova: Polícia Civil ganha um novo prédio para a Delegacia de Polícia em Vianópolis

413

Fachada do novo prédio da Delegacia de Polícia de Vianópolis

A Polícia Civil recebeu hoje pela manhã (30.08) um novo prédio para a Delegacia de Polícia de Vianópolis.  Moderno e amplo, o prédio foi construído por várias mãos e nasceu da iniciativa da Juíza de Direito da localidade, Marli de Fátima Naves. A magistrada destinou a maior parte da verba oriunda das transações penais, através dos TCOS, previstas na Lei dos Juizados Especiais Criminais.

A obra, que chega como um modelo para ser adotado em todo o Estado, teve a participação da iniciativa privada, através do empresariado e comerciantes do município, além do Ministério Público, Conselho da Comunidade na Execução Penal da Comarca e Conselho de Segurança e Defesa Social, ambos de Vianópolis.

A antiga sede da Delegacia de Polícia de Vianópolis, cuja circunscrição pertence à 9º DRP, de Catalão, foi construída em 80. O município cresceu, se desenvolveu e, em conseqüência, a população. Daí, a necessidade da construção desta obra, uma vez que a sede antiga já não atendia às necessidades da Polícia Civil, na prestação dos seus serviços, e quanto ao atendimento da população. Foi esse o entendimento da Juíza Marli Naves ao decidir pela obra, tendo como objetivo a melhoria nos serviços prestados pela Polícia Civil naquele município. A nova sede da Delegacia de Polícia custou R$ 152.583.03.

Joaquim Mesquita e João Carlos Gorski

Com a nova sede, a Polícia Civil se desvincula da cadeia pública local, que passa para a administração da Secretaria da Administração Penitenciária e Justiça. Policiais Civis, juntamente com Militares, eram desviados das atividades fim para cuidar dos presos. Essa situação, na avaliação do Delegado Regional de Catalão, Jean Carlos Arruda, responsável pela circunscrição de Vianópolis, trazia prejuízos às investigações feitas pela Polícia Civil e ao trabalho ostensivo/preventivo realizado pela Polícia Militar.  

A solenidade de inauguração do novo prédio contou com a participação de várias autoridades, dentre elas o Secretário da Segurança Pública, Joaquim Mesquita, do Delegado Geral da Polícia Civil, João Carlos Gorski, da Juíza Marli de Fátima Naves, Promotores e Juízes de várias Comarcas próxima a Vianópolis, além de Policiais Civis, Militares e de todos os segmentos sociais e das pessoas que participaram diretamente na execução da obra.

Num discurso rápido, o Secretário Joaquim Mesquita, disse que a iniciativa era objeto de elogios por tudo que representava ao povo de Vianópolis. O Delegado Geral da Polícia Civil, João Carlos Gorski, reconheceu a importância da obra para a  Polícia civil e toda a sociedade. Ele fez questão de enaltecer a iniciativa da Juíza Marli Naves e o empenho de todos que estiveram envolvidos no projeto.

 

Delegado Marcos Vinícius da Costa Junior

“Vejo aqui o resultado de um trabalho que merece o nosso reconhecimento e quero, de forma muito especial, cumprimentar a Dra. Marli Naves por tão brilhante iniciativa, abraçada com muita vontade por todos”, assinalou Gorski, lembrando durante seu discurso a designação de um Delegado para atuar à frente da nova Delegacia de Polícia. “Está aqui o Dr. Marcos Vinícus da Costa Júnior para trabalhar junto com vocês em prol da segurança pública em Vianópolis”, frisou.

Texto: Delegado de Polícia Norton Luiz Ferreira – Assessor de Comunicação da Polícia Civil