Decar recupera carga e prende receptadores de alimento roubado

339

2fc756c3-0757-4c54-a6ea-0312a5d0627bA Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), após dois meses de intensa investigação, deflagrou na manhã da última terça-feira (29) a Operação Atacadão 157, oportunidade em que três membros de uma organização criminosa foram autuados em flagrante delito pelos crimes de receptação qualificada e associação criminosa.

Os policiais flagraram a carga roubada em uma casa no Parque Rio das Pedras, localizada ao lado de um supermercado, para o qual servia de depósito. Estavam no local um sobrinho do dono do comércio e dois irmãos do proprietário de outro supermercado, localizado no Setor Jardim Rosa Sul, sendo que um deles é gerente do estabelecimento.

Na ocasião, a Polícia Civil recuperou uma carga do alimento Mucilon exposta à venda e outra parte escondida em galpões pertencentes aos donos dos supermercados. De acordo com a investigação, os produtos foram roubados há uma semana, na noite de 23 de março. A polícia explicou que o caminhoneiro estava parado em um posto de combustíveis de Aparecida de Goiânia esperando uma distribuidora abrir para entregar a carga quando foi abordado por criminosos.

Nas investigações, ficou comprovado que os proprietários dos citados estabelecimentos fomentaram o roubo de carga de gêneros alimentícios para os revender a clientes comuns.  A delegada acredita que, pelo menos, mais sete pessoas integram a organização criminosa. “O receptador fomenta o crime de roubo no estado, tanto encomendando como também subsidiando a compra desses produtos do ladrão”, declarou a responsável pela operação, delegada Marcela Orçai.