DECON e 15ª DRP apreendem mais de 20 mil peças de roupas e etiquetas de grife falsificadas

367

Roupas apreendidas pela Polícia Civil em Jaraguá

Policiais Civis da Delegacia de Repressão à Crimes Contra o Consumidor (DECON) e da 15ª Delegacia Regional de Polícia (DRP), de Goianésia, apreenderam 20 mil etiquetas e duas mil peças de roupas falsificadas, além de matéria-prima e  maquinário nas fábricas instaladas no conhecido comércio de vestuário pirateado em Jaraguá. A ação, denominada Operação Pirata II, foi desenvolvida no final do mês passado e envolveu 40 policiais. Na oportunidade foram cumpridos 16 Mandados de Busca e Apreensão e quatro pessoas presas em flagrante, além da confecção de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), por crime de menor potencial ofensivo

Não foi a primeira investida da Polícia Civil nas fábricas de roupas falsificadas naquele município. Em agosto do ano passada, uma ação policial diagnosticou a organização das pessoas envolvidas na pirataria, inclusive na existência de fábricas de etiquetas pirateadas de grandes marcas. Após os levantamentos, os Delegados de Polícia que estiveram à frente das investigações, representaram por Mandados de Buscas e Apreensões, todos deferidos pelo Poder Judiciário. Desta forma, no fim do mês passado Policiais Civis da DECON e da 15ª DRP foram a Jaraguá para cumprir os mandados, através da Operação Pirata do Cerrado II.  

Texto: Delegado de Polícia Norton Luiz Ferreira – Assessor de Comunicação da Polícia Civil
Foto: Policia Civil / DECON