Delegada Geral faz mudanças nas Delegacias de Polícia visando atender anseio da sociedade

806

A Delegada Geral da Polícia Civil, Adriana Accorsi, anunciou hoje (dia 18), uma ampla reformulação nos comandos das Delegacias Especializadas e Distritais de Goiânia e interior. As mudanças, segundo Accorsi, visam dar mais dinâmica aos trabalhos de investigação a cargo das unidades policiais, reoxigenando as ações para a busca do máximo da excelência de qualidade e agilidade almejadas. “Fizemos todas as alterações para atender também aos interesses da administração pública, mas ouvindo as partes envolvidas nas mudanças”, disse Adriana.

Para a Chefe da PC goiana, todo remanejamento feito em postos de comando, no momento em que é necessário, traz muitos benefícios não só para a Instituição, mas também  para os próprios policiais. “A nova missão para a qual cada um foi designado acaba sendo fonte de mais ânimo e mais disposição por melhores resultados”, assinalou, enfatizando que toda e qualquer mudança gera novas expectativas para o desempenho profissional.

Adriana Accorsi falando com jornalista sobre as mudanças na Polícia Civil

Dentro do pacote de mudanças, Adriana Accorsi fez também o anúncio da criação de dois novos Grupos Especializados, o de Repressão ao Crime Organizado e de Investigação de Pessoas Desaparecidas, além da designação de um Delegado de Polícia para cuidar exclusivamente das investigações de crimes de latrocínio. Esse Delegado é Germano César de Castro Melo.

 Adriana Accorsi afirmou que as mudanças são também para adequar as investigações à nova filosofia de trabalho que está sendo empregada, com ênfase na repressão aos crimes de homicídios, tráfico de drogas, estupros contra crianças e adolescentes, furtos e roubos de veículos, violência contra a mulher e latrocínio. “A atuação da Polícia Civil vai muito além das investigações desses crimes, mas temos que reconhecer que são os que causam clamor público, provocam uma sensação de insegurança. Por isso, merecem uma frente de atuação mais focada e mais bem planejada”, disse Adriana Accorsi.

Apoiadas pelo Secretário da Segurança Pública e Justiça, João Furtado, as mudanças anunciadas são fruto de uma decisão bem pensada, segundo Adriana Accorsi. A delegada geral assumiu o cargo no fim do ano passado e fez as adequações na estrutura de comando superior da Polícia Civil. Agora, após estudos mais aprofundados, mexe na parte operacional da Instituição, onde o chamado trabalho de campo é o que reflete primeiro nas estatísticas criminais e expectativas sociais.

“Fizemos as mudanças pensando no melhor para as atividades de investigação da Polícia Civil e para a sociedade, que anseia por uma polícia cada vez melhor e mais eficiente”, frisou Adriana Accorsi. Para a delegada geral, a escolha foi feita obedecendo a vários critérios, todos orientados pelo perfil profissional de cada Delegado de Polícia.

                                           As mudanças

Terão novos Delegados titulares as Delegacias Estaduais de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores(DERFRVA), de Repressão aos Crimes Contra a Ordem Tributária (DOT), de Repressão a Crimes Contra o  Consumidor (Decon), as Delegacias Especializadas no Atendimento à Mulher (Deam), de Goiânia, as de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA),  de Goiânia, e o 4 º Distrito Policial, de Aparecida. As mudanças alcançam também as equipes de Delegados Adjuntos.

Alzemiro José dos Santos deixa a DERFRVA e assume como titular da Decon, em substituição a André Abrão, que assume a Supervisão da Polícia Civil. Ele entra no lugar de Adailton de Souza Medrado. Com Alzemiro, vai para a Decon como Adjunto, Itamar Lourenço de Lima. O novo titular da DERFRVA é Edson Carneiro Caetano, que era Adjunto na Especializada. Por sua vez, em seu lugar assume Ailton Costa de Ligório, que era Adjunto da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (DECAR).

Deixam também a condição de Adjuntos da DERFRVA, além de Itamar Lourenço, os Delegados Edvaldo Félix do Nascimento, José Ernestiano Correa e Abézio Leite de Bessa. O primeiro passa a atuar como Adjunto da DECAR e, o segundo, foi designado como titular do 4º Distrito Policial, no Setor Garavelo, em Aparecida de Goiânia. Abézio vai para o 6º Distrito Policial, no lugar de Germano César de Castro Melo. João Dâmaso da Silva e Adriano Sousa Costa, que estavam à frente do 12º Distrito Policial, no Balneário Meia Ponte, e do 5º Distrito Policial, de Aparecida de Goiânia, respectivamente,  vão para a DERFRVA como adjuntos.

No lugar de João Damaso no 12º DP assume Wagner Natálio Coutinho, que atuava na Decon.  O novo titular do 5º DP, de Aparecida de Goiânia, será ainda designado. Tem nova Delegada titular também a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), de Goiânia, onde assume Fabiana Mancuso Roda Ganga. Karla Fernandes deixa a DEAM e assume como titular da DOT, substituindo Renata Cheim, que vai para o plantão da Supervisão. No lugar de Renata Vieira da Silva Freitas, que vinha respondendo pela Delegacia de Trindade, assume Sabrina Leles de Lima Miranda. Ela estava em Caldas Novas.

NA DPCA, em substituição a Ana Elisa Gomes Martins, que passa atuar como adjunta da DEAM, assume Renata Vieira da Silva Freitas, que respondia pela Delegacia de Trindade. No lugar de Renata Vieira da Silva Freitas assume Sabrina Leles de Lima Miranda. Muda também a Delegacia de Polícia de Pontalina, onde assume Leandro Viera Fonseca Pereira, que estava como Adjunto da Delegacia de Investigações Criminais (DIH). Leandro entra no lugar de Hellyton Carlos Miranda de Carvalho na DIH. No 9º Distrito Policial, no Setor Universitário, assume Kleyton Manoel Dias.

Texto: Delegado de Polícia Norton Luiz Ferreira – Assessor de Comunicação da Polícia Civil