Delegadas de Polícia Goianas participam de Encontro Nacional de titulares de DEAMs em Brasília

591
Tatyane Cruvinel - Delegada Titular da Deam, de Aparecida de Goiânia

As Delegadas Titulares das Delegacias Especializadas no Atendimento às Mulheres de Goiânia(Centro) e Aparecida de Goiânia, respectivamente, Fabiana Mancuso Roda Ganga e Tatyane Gonçalves Cruvinel Costa, participam hoje(07) e amanhã(08),  em Brasília,  do Encontro Nacional de Delegadas Especializadas no Atendimento às Mulheres, que reúne 400 Delegadas de Polícia de todo o Brasil. O encontro é uma iniciativa da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) e traz como tema principal, no 6º aniversário da Lei Maria da Penha, “O papel da autoridade policial nos casos de violência doméstica.”

De acordo com a Secretaria Especial das Mulheres, os órgãos de Segurança Pública têm papel fundamental no enfrentamento à violência contra as mulheres e recebe diariamente 60% dos encaminhamentos feitos pelo 180 – a Central de Atendimento à Mulher. A partir da discussão, o encontro quer fortalecer as Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher – DEAMs e pactuar as Normas de Atendimento às Mulheres, de acordo com a Lei Maria da Penha. Outro objetivo é alcançar uma das metas do Pacto pelo Enfrentamento à Violência contra a Mulher de cobrir 10% dos municípios brasileiros com serviços especializados à Mulher em situação de Violência e aumentar em 30% a quantidade dos serviços em todo o País.

Durante o encontro, acontecerá o lançamento da  Campanha pela Lei Maria da Penha com o tema, “Compromisso e Atitude pela Lei Maria da Penha – A Lei é mais forte”. A Campanha nasceu de uma iniciativa da SPM, formalizada por meio de acordo de cooperação técnica com diversos órgãos: Ministério da Justiça, Conselho Nacional de Justiça – CNJ, Conselho Nacional de Procuradores-Gerais de Justiça – CNPG, Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça e o Conselho Nacional dos Defensores Públicos-Gerais – CONDEGE.

Adriana Accorsi  faz reunião para levantar principais demandas das Deams no dia-a-dia

No último dia 03, a Delegada Geral Adriana Accorsi reuniu-se com as Delegadas das Especializadas no Atendimento às Mulheres de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Senador Canedo e Anápolis. Na  reunião, foram levantados os principais problemas enfrentados pelas policiais no trabalho diário. De acordo com as Delegadas,  o principal problema enfrentado é a falta de Juizados Especiais de Violência  Doméstica para os encaminhamentos dos procedimentos e inquéritos policiais, problema comum à todas as Delegacias de Polícia das cidades do Entorno de Goiânia. O problema faz com que o trabalho policial não tenha a agilidade necessária em casos , como, por exemplo,  na expedição das medidas protetivas.  De acordo com as Delegadas, um dos fatores que favorecem a violência doméstica são as drogas. Outra unanimidade entre as Delegadas é a necessidade de se adotar um procedimento de atendimento comum a todas as Deams.

Geralda Ferraz – Escrivã de Polícia

Assessoria de Imprensa Polícia Civil