Denarc: Divisão de Capturas cumpriu 344 mandados de prisão em 8 meses

357
Em oito meses foram 344 mandados cumpridos.
Em oito meses foram 344 mandados cumpridos.

Criado no final de fevereiro deste ano, o Cartório da Divisão de Capturas da Denarc (Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos) comemora oito meses de atuação e o cumprimento de 344 mandados de prisão. Nascido com o objetivo de reduzir o número de ordens expedidas pelo Judiciário goiano e que permaneciam em aberto no Banco Nacional de Mandados de Prisão, o cartório alcançou o significativo índice de cerca de 10 mandados cumpridos a cada semana.

Além das prisões, os agentes responsáveis pela Divisão conseguiram dar baixa em mais uma centena de mandados graças à identificação de foragidos que já haviam falecido.

Nestes oito meses, cerca de 30% das ordens de prisão cumpridas foram referentes a procurados pelo delito de roubo. Outras 20%, aproximadamente, foram de homicidas e 10% foram relativas a traficantes de drogas. A maioria dos presos é de homens (quase 90% do total) e, destes, a metade tem entre 18 e 30 anos.

Dos mandados cumpridos, destaque para o de Sebastião Cavalcante, o “Tião Sabugo”. Autor de diversos crimes – como furto, homicídio, roubo, ameaça, lesão corporal e estupro -, Tião foi preso em abril, após aparecer em uma reportagem sobre moradores de rua que improvisavam cabanas em praças da Capital. Ele deve cumprir mais de 14 anos de pena pelo estupro de uma enteada.