DEPAI de Aparecida realiza trabalho de conscientização em escolas públicas

559
depai nas escolas2
Delegada Caroline Borges fala aos alunos

A Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (DEPAI) de Aparecida de Goiânia começou, em novembro de 2014, a desenvolver o projeto “Depai nas Escolas”, que deve ser estendido a outras unidades de educação básica do município também em 2015. O objetivo é diminuir a prática de atos infracionais por parte dos adolescentes, por meio de palestras com os servidores da delegacia, coordenada pela delegada Caroline Borges Braga.

As palestras, ministradas pela delegadas, agentes, escrivães e assistente social, envolvem esclarecimentos sobre os ditames do Estatuto da Criança e Adolescente no que diz respeito aos atos infracionais, efeitos nocivos do uso de entorpecentes e projetos de reinserção social. Segundo Caroline, duas escolas foram visitadas em 2014, mas novos agendamentos têm sido feitos para o próximo ano letivo.

De acordo com a delegada, a ideia principal é conscientizar os jovens, inseridos ou não no mundo das drogas ou crimes, sobre as consequências de uma vida em conflito com a lei. Outro objetivo é aproximar a Polícia Civil da comunidade, além de valorizar a instituição. A região é considerada de alta criminalidade e o trabalho policial está, constantemente, voltado a ocorrências que envolvem menores infratores.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Fotos: Polícia Civil / DEPAI / Aparecida de Goiânia