Dercap desbarata quadrilha que falsificava alvarás judiciais há anos em Goiânia

561
IMG_3883
Policiais cumprem mandado de prisão provisória em Aparecida

Três pessoas foram presas, seis mandados de busca e apreensão foram cumpridos e três conduções coercitivas foram realizadas na manhã de sexta-feira (04) em Goiânia, Aparecida de Goiânia e Barra do Garças, no Mato Grosso. O objetivo foi desbaratar uma quadrilha especializada na falsificação de alvarás judiciais que agia há vários anos na capital goiana.

As ações integraram a Operação Mendacium (“falsidade”, “mentira” em latim), deflagrada pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra a Administração Pública (Dercap) com o apoio do Poder Judiciário. De acordo com investigações realizadas pelas equipes da especializada, verificou-se que o grupo também realizava atividades de levantamento de importâncias financeiras indevidas depositadas judicialmente.

De acordo com o coordenador da operação, Rômulo Figueredo Matos, delegado adjunto da Dercap, os líderes da organização criminosa eram pessoas com formação jurídica. Uma delas chegou a trabalhar no Fórum de Goiânia, onde ainda trabalham estagiários suspeitos de envolvimento com o grupo.

Ainda segundo Rômulo, a quadrilha operava por meio da falsificação de alvarás judiciais junto ao sistema de Primeiro Grau (SPG). As importâncias havidas por meio das operações fraudulentas eram depositadas em contas bancárias fornecidas por outros membros da quadrilha. Há estimativa de que as operações fraudulentas do grupo tenham gerado um ganho totalizado em mais de R$ 500 mil.