Denarc apreende mais 80 kg de drogas: ao todo, quase meia tonelada saiu das ruas em menos de 1 semana

396
WhatsApp Image 2016-09-20 at 01.52.16
80 kg de drogas, além de objetos apreendidos pela Denarc

A Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), com apoio do Grupo Tático 3 (GT-3), prendeu seis suspeitos de prática de tráfico de drogas, insumos e petrechos. Ao todo, foram apreendidos 80 quilos de entorpecentes, além de armas de fogo, balanças e prensa. Em seis dias, a especializada retirou das ruas 439 quilos de drogas.

Os investigados, presos na ação, também são suspeitos de associação para a prática de tráfico ilícito de substâncias entorpecentes.

Na ação, a Polícia Civil retirou das ruas 72 quilos de maconha, oito quilos de cocaína e três quilos de insumos. Também foram encontrados dois revólveres calibre 38 e uma pistola .40 com numeração de série raspada, além de munições nos calibres 380, 38 e .40.

As investigações tiveram início em agosto. Jefferson Ferreira foi identificado como o líder da associação e responsável pelo comércio ilegal da maconha e da cocaína no atacado (fornecimento para traficantes menores). O grupo chefiado por Jefferson atuava em toda a Goiânia e Região Metropolitana.

Foi apurado também que Jefferson geria o grupo com o auxílio de familiares: sua esposa, Marcela do Nascimento Santos, e sua cunhada, Ivoneide do Nascimento dos Santos. Andréia Neres Silva, Jeová José de Oliveira e Everton Nunes da Luz atuavam no comércio direto das drogas. Ivoneide tinha mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas no Paraná.

Volume

WhatsApp Image 2016-09-20 at 01.52.18
Drogas distribuídas em Goiânia e RM

Essa é a terceira grande apreensão realizada pela Denarc em menos de uma semana. Na quarta-feira (14), Gleidimar Silva de Oliveira foi preso em flagrante no Residencial Mar Del Plata, na região leste de Goiânia, em posse de 49 quilos de maconha, seis quilos de cocaína, um revólver calibre 38, 16 munições e balanças de precisão.

No dia seguinte (15), foram apreendidos 301 quilos de maconha, 3,5 quilos de cocaína e uma balança de precisão na residência de Hélio Pereira da Costa, 39 anos, no Jardim Colorado, na região noroeste da capital. Ele também foi preso em flagrante delito.