Dia do Policial Civil: Culto ecumênico e sorteio de brindes marcam comemorações

263

O Dia do Policial Civil, comemorado no dia 9 de maio, foi lembrado pelos servidores instituição em café da manhã, no dia 5 de maio. O evento, realizado no pátio da Secretaria de Segurança Pública, foi prestigiado por delegados, escrivães, agentes, papiloscopistas e servidores administrativos da Polícia Civil de Goiás. Um culto ecumênico abriu as celebrações, antecipado pela apresentação do Coral Tom Legal, que apresentou o hino da instituição e louvores religiosos.

Na sequência, fizeram o uso da palavra o delegado e pastor Aristóteles Sakai e o pastor João Batista de Queiroz, da Igreja Batista Renascer. Na oportunidade, Queiroz leu a Bíblia e falou das bem-aventuranças, aplicando-as ao contexto de vida dos profissionais homenageados.  O catolicismo, foi representado pelo padre Dionivaldo Pires, de Indiara, e o espiritismo, pela escrivã Coracy de Jesus, que fez uma oração pelos presentes.

Em seguida, o delegado geral da Polícia Civil, João Carlos Gorski prestou sua homenagem aos colegas. Segundo ele, a classe é respeitada pela sociedade por representar o anseio da população por segurança pública. “Infelizmente, a sociedade padece de muitos serviços de qualidade, mas a segurança é um anseio geral”, falou.

Na oportunidade, Gorski lembrou os profissionais que perderam a vida num acidente de helicóptero, há pouco mais de três anos. “Eram profissionais valorosos que deram a vida pelo trabalho”, completou. O delegado geral parabenizou os policiais presentes e disse ter orgulho de participar da instituição. “Estou delegado geral, mas sou policial civil de coração”, emendou.

Em seguida, o delegado geral adjunto, Deusny Aparecido, também parabenizou os colegas presentes e fez uma oração de agradecimento. Ele lembrou ainda que o culto ecumênico era uma ação de graças pela vida dos profissionais da Polícia Civil. Na sequência, Deusny comandou o sorteio de brindes, que distribuiu materiais de trabalho, jantares, viagens, roupas e acessórios, doados por delegados e entidades de classe.