DIH apresenta homem que matou filho de PM por dívida de R$ 400

433

IMG-20170331-WA0024A Polícia Civil apresentou na manhã desta sexta-feira (31/03), na Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios, o preso Marcelo Deivid Pires de Siqueira, um dos responsáveis pelo homicídio que vitimou Pablo Emanuel Gomes Lopes, filho de um policial militar que trabalha na região Noroeste de Goiânia.

No último dia 02 de fevereiro, Pablo estava em frente a uma padaria de sua propriedade, no Jardim Curitiba, em Goiânia, quando se aproximou um veículo GM/Classic com três pessoas. Os ocupantes do automóvel efetuaram vários disparos contra a vítima, que foi atingida e caiu no meio da rua, sendo socorrida pelo próprio pai e levada para um hospital da região onde acabou morrendo.

De acordo com o delegado Carlos Caetano Junior, os autores do crime foram Marcelo Deivid, Rafael Resende Ferreira e Rafael Divino de Oliveira Ferreira. Estes dois últimos continuam foragidos, sendo que as diligências com o intuito de localizá-los e prendê-los não cessaram.

Caetano explicou que o motivo do crime teria sido uma dívida que Rafael Divino, vulgo Carrocinha, teria contraído com a vítima: “Quando ele foi cobrado, achou ruim, se irritou e pediu a Rafael Resende e a Marcelo Deivid para o ajudarem a eliminar o desafeto”, comentou.

Marcelo Deivid confessou o crime, mas negou a participação dos amigos. Para o delegado, no entanto, o preso tenta apenas “livrar os comparsas da responsabilidade”.