DIH apresenta homicida que se escondia há 3 anos no Mato Grosso

464
WhatsApp Image 2016-09-22 at 13
Jeovani dos Santos da Silva Júnior (à direita, de camiseta amarela)

Investigadores da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH) apresentaram, na quinta-feira (22), homem acusado confesso de ter assassinado sua namorada em 2013. Jeovani dos Santos da Silva Júnior foi encontrado a 1,6 mil quilômetros de Goiânia.

De acordo com o delegado ajunto da DIH que coordenou a fase final das investigações, Danilo Proto, foi apurado que o autor havia se mudado para o município de Lucas do Rio Verde, no estado do Mato Grosso. Policiais civis desse estado cumpriram mandado de prisão preventiva em desfavor de Jeovani, sendo este recambiado para Goiânia.

Em interrogatório, o autor confessou ter realizado disparo de arma de fogo contra sua namorada, Christiely Keith, no ano de 2013, provocando sua morte. Ele afirmou que o evento foi acidental, pois apenas mostrava a arma para a vítima quando o artefato bélico, preso à calça do autor, teria disparado de maneira involuntária. Keith foi atingida com um tiro no olho. Na ocasião do evento, só o casal estava no local onde o crime ocorreu.

Proto informa que o Inquérito Policial está concluído, e Jeovani continuará preso à disposição do Poder Judiciário.

O Delegado parabeniza toda sua equipe policial pela dedicação no caso e ainda agradece os Policiais Civis da cidade de Lucas do Rio Verde pelo apoio no cumprimento da prisão, bem como ao Policial Rodrigo, lotado na Inteligência da Polícia Civil do Rio de Janeiro, por ter colaborado com informações que foram de grande valia na prisão de Jeovani.