Dupla é presa por golpe de cerca de R$ 50 mil em correntistas

466

jonathanA Polícia Civil prendeu, no dia 17 de janeiro, Jonathan Monteiro Souza e Michel Teixeira Severino, de 23 e 21 anos, suspeitos de aplicar golpes em correntistas do Banco do Brasil, em Goiânia. O caso foi apresentado à imprensa na quinta-feira (18). Nove vítimas do golpe já foram confirmadas, das quais a dupla teria obtido cerca de R$ 50 mil. Eles agiam com a ajuda de uma mulher e do líder da quadrilha, ainda foragidos, que ajudavam no crime diretamente de São Paulo.

Os suspeitos foram detidos em uma agência do Setor Central e confessaram o crime. De acordo com o delegado Izaías Pinheiro, do 1º DP de Goiânia, o grupo tinha acesso a um banco de dados e conseguia o contato das vítimas. A mulher ligava para os correntistas e dava início à farsa. “Ela ligava se passando por funcionária do banco e perguntava se o cliente havia autorizado uma compra de valor alto com o cartão. A vítima negava e a estelionatária dizia que o cartão então havia sido clonado, colocando à disposição dela o cancelamento do mesmo”, explicou o delegado.

Quando a vítima aceitava, a mulher solicitava que ela fizesse uma carta de próprio punho e passasse a senha para realizar o procedimento. Disponibilizava ainda funcionários para pegar a tarjeta na casa da pessoa. “Para dar mais veracidade ao golpe, os golpistas forneciam até número de protocolo. Depois de pegar o envelope, a dupla ia ao banco, sacava todo dinheiro da conta e fazia empréstimos”, disse Pinheiro.