GENARC de Goianésia tira mais dois traficantes de circulação e apreende 1,25 kg de droga

255
Maconha e as pedras de crack apreendidas

Policiais Civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos – GENARC, de Goianésia, prenderam no último sábado, 24, Marcus Antônio Ribeiro Silva, de 19 anos, e apreenderam um adolescente de 15 anos. Com os dois foram apreendidos 01 quilo de maconha e cerca 250 gramasde crack. O Delegado Marco Antônio Maia Júnior, Coordenador do GENARC, disse que a dupla já estava sendo investigados há aproximadamente três meses. Marco Antônio disse também que, em outras ocasiões, os dois já teriam sido abordados e com eles foi encontrado dinheiro, mas nunca haviam encontrado a materialidade do crime de tráfico, ou seja, a droga. Por esse motivo, os traficantes eram sempre liberados mas, nas últimas semanas, as investigações foram intensificadas no intuito de flagrá-los com droga.

Na tarde de sábado, ao abordá-los, os Policiais Civis tiveram êxito e encontraram a droga, que estava com o menor. Segundo o Delegado, a quantidade apreendida seria revendida na região central e sul de Goianésia em no máximo dois dias. Na Delegacia de Polícia, o adolescente disse que a droga apreendida, avaliada em R$ 12.500,00 após a revenda, era de sua propriedade. Foi lavrado contra ele um Auto de Apreensão em Flagrante por prática de ato infracional por tráfico e associação para o tráfico de drogas. O menor será encaminhado para uma unidade de apoio juvenil em Goiânia ou Anápolis, onde cumprirá medida sócia educativa

Já Marcus Antônio relatou não ser ele o proprietário das drogas apreendidas e que faria o transporte das mesmas para receber a quantia de R$ 200,00 em dinheiro e0 cinco gramas de crack. Ele foi autuado em flagrante por prática de crimes de tráfico e associação para o tráfico de droga.  “Aqui em Goianésia os traficantes estão aliciando e recrutando crianças e adolescentes para a prática de tráfico de drogas, mas as autoridades judiciárias estão atentas e estas artimanhas não darão certo, pois, dependendo das circunstâncias, estes menores poderão ficar internados e cumprindo medidas sócias educativas em unidades de Anápolis ou Goiânia”, informou Marco Antônio Maia. Com esta apreensão o GENARC, de Goianésia, em menos de três meses de 2012 já apreendeu mais da metade de toda a droga apreendida ano passado e prendeu mais de um terço das pessoas autuadas em todo ano de 2011.