GENARC de Posse prende traficantes que extorquiam família de usuário

509
dinheiro posse
Dinheiro pago ao casal de extorsionários

Policiais civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (GENARC) de Posse prenderam, no dia 13 de janeiro, Ricardo de Jesus Alves da Silva, vulgo “Manchinha”, e sua esposa, Gabriella Jordânia Soares Araújo. A dupla é suspeita de praticar crime de extorsão contra a família de um rapaz que, supostamente, devia ao casal a quantia de R$ 5 mil, por ter pegado drogas para revender e não ter repassado o dinheiro proveniente da venda.

De acordo com as investigações, Ricardo e Gabriella passaram a ligar para a mãe do devedor, ameaçando matar o rapaz caso a dívida não fosse paga. Os policiais se dirigiram até a casa dos autores e, no momento em que a mãe do jovem efetuou o pagamento, realizaram a abordagem. Ricardo ainda tentou esconder o dinheiro embaixo do sofá onde estava sentado, mas o dinheiro foi encontrado pelos policiais.

Antecedentes
Em 8 de novembro do ano passado, Ricardo e Gabriella também foram presos pelo GENARC de Posse na cidade de Buritinópolis, quando entregavam droga para um traficante da cidade de Mambaí, conhecido como Raimundinho. Porém, a Justiça concedeu aos mesmos o direito de responder em liberdade, benefício utilizado para a permanência no mundo do crime.

De acordo com a polícia, Ricardo “Manchinha” possui extensa ficha criminal. Ele já cumpriu pena por tráfico de drogas, porém, já tem passagens por receptação, porte de arma de fogo e tráfico de drogas. O delegado do GENARC, Pedro Yuri Trajano, ressalta que o empenho de seus policiais foi fundamental para o sucesso da operação. Ele reforça ainda a importância da participação da comunidade na elucidação de crimes, que podem ser denunciados, anonimamente, pelo telefone (62) 3481 2127.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / GENARC / Posse