GIH de Aparecida de Goiânia apresenta dupla suspeita de homicídio

843

ramon e saymonO Grupo de Investigações de Homicídios (GIH) de Aparecida de Goiânia apresentou, na manhã desta quinta-feira (20) os presos Saymon Gonçalves Cruvinel e Ramon Rodrigues de Souza, responsáveis pela morte do jovem Alexandre Souza Almeida, de 19 anos, assassinado em via pública com sete tiros em 29 de janeiro do corrente ano, no Jardim dos Buritis, Aparecida de Goiânia.

Segundo o delegado Luiz Renato Maximiano, a vítima foi morta porque os criminosos acreditavam que ela havia “cagüetado” comparsas de um roubo ocorrido em 2015. Os autores confessaram o homicídio e um dos presos apresentado também é responsável por um outro homicídio praticado naquela cidade.