GIH de Novo Gama prende trio suspeito de aterrorizar dependente químico

363

WhatsApp Image 2016-08-23 at 184Investigadores do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Novo Gama, no Entorno do Distrito Federal, cumpriram mandado de prisão temporária contra um trio (foto) de suspeitos de tentativa de homicídio contra um dependente químico, que era considerado um delator pelos supostos autores. A prisão foi realizada na terça-feria, 23.
Luzinaldo Pereira da Silva e Yuri Mendes Cordeiro foram presos e R.S.M, menor à época do fato, foi apreendido por ter Luzinaldo, em companhia dos comparsas, efetuado vários disparos de arma de fogo contra a vítima, a qual foi levada ao hospital a tempo de ser salva. Ao saber disso, o trio passou a rondar a residência da vítima, efetuando disparos de arma de fogo e realizando ameaças.
Tudo teria se iniciado com a prisão da vítima em posse de porções de crack. Ao saber da detenção, o trio se convenceu de que a vítima os teria delatado como traficantes de drogas à polícia, arquitetando, a partir de então, seu assassinato.
Participaram da prisão os agentes da PCGO Francisco Bezerra, Carlos Bastos, Vinícius Bueno e Eufrásia Campos, além dos escrivães da PC Filipe Moreira e Glaucimar Cândido. A diligência foi coordenada pelo delegado Danillo Martins e a investigação presidida pelo delegado Maurício Passerini.