Homem que já responde por estupro de vulnerável é preso por tentar matar a ex-esposa

286

Luiz Carlos da Rosa foi preso ontem (10.12), por Policiais Civis da 14ª Delegacia Regional de Polícia (DRP), de Jataí, acusado de tentar assassinar a ex-mulher Flora Teodoro de Oliveira, 33 anos,  desferindo-lhe aproximadamente nove golpes de faca. O crime ocorreu no último dia 3, quando o autor saiu à procura da vítima, de quem estava separado, e a encontrou na casa de uma amiga, de nome Elza Antônia Dias, onde cometeu o crime. Luiz Carlos recebeu voz de prisão do Delegado André Fernandes de Almeida, titular da 14ª DRP. Ele tinha Mandado de Prisão em seu desfavor, expedido pela Comarca de Serranópolis, e foi preso ao se apresentar na Delegacia de Polícia de Chapadão do Céu.

Segundo as investigações, o acusado conviveu com a vítima por aproximadamente dezesseis anos. O relacionamento do casal sempre foi marcado pela prática de violência de Luiz Carlos contra Flora. Mesmo quando estava grávida, o ex-marido não a poupou da violência física e Flora, com receio das ameaças, nunca denunciou o ex-companheiro. Cansada de apanhar, Flora Teodoro decidiu separar-se de Luiz Carlos no mês de setembro último. A vítima resolveu sair de casa, morou por vinte dias na casa de uma amiga e depois alugou uma casa. Porém, Luiz Carlos não lhe deu sossego e a ameaçava constantemente de morte, exigindo que ela retomasse o relacionamento.

Quando localizou Flora na casa da amiga Elza Dias, Luzi Carlos disse que amava Flora   e que, caso ela não voltasse para ele  naquele dia, seria morta e que, portanto, não ficaria com mais ninguém. Luiz Carlos sacou  um punhal, dizendo: “Aqui,  isso  é pra você,  hoje eu te mato!”. Em seguida, deixou o local. A amiga alertou Flora para que  tomasse cuidado. Luiz Carlos foi para a casa da ex-exposa, onde ficou aguardando sua chegada. Ao chegar em casa, Flora Teodoro foi surpreendida por Luiz Carlos, que cobrou dela para que voltassem a viver juntos. Diante da resposta negativa, o autor sacou o punhal   e desferiu vários golpes  na vítima,   perfurando o tórax, abdômen e braço. Em seguida, evadiu-se do local, dizendo que voltaria para terminar de matá-la.

A vítima foi socorrida e encaminha ao Centro Municipal de Saúde de Jataí, onde foi submetida à intervenção cirúrgica. Seu estado saúde ainda é grave. O autor teve a sua prisão decretada  nas primeiras horas após o crime e se encontrava na condição de foragido. Sentindo-se pressionado pelas investigações dos PoliciaisCivis, o autor  procurou a Delegacia de Polícia de Chapadão do Céu, onde se apresentou na companhia de um advogado. Ao ser preso, foi encaminhado à Cadeia Pública local. Luiz Carlos da Rosa já  responde por crime de estupro de vulnerável  contra a própria filha Innaê Karla Oliveria Rosa, atualmente com 13 anos de idade,  cujo processo se encontra  em andamento na Comarca de Serranópolis – GO.

 

Texto: Delegado de Polícia Norton Luiz Ferreira – Assessor de Comunicação da Polícia Civil
Foto: Google (Ilustração)