Operação Caipora: Decar prende contrabandista de cigarros

500

cigarroA Polícia Civil apresentou, na manhã desta segunda-feira (18), na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar) o resultado da Operação Caipora, que prendeu em flagrante delito Ezio Araújo Carvalho, com quem foi apreendida uma carga avaliada em R$ 500 mil, com cerca de 100 mil carteiras de cigarros contrabandeadas do Paraguai.

A operação se deu em razão de investigação realizada pela especializada com mais de 60 dias de diligências. Segundo o delegado Alexandre Bruno, Ezio é considerado atualmente o maior contrabandista do Estado de Goiás. “Com essa prisão, com certeza se reduzirá substancialmente o contrabando de cigarros paraguaios em terras goianas”, acredita o delegado.

Os maços de cigarros estavam escondidos dentro de uma caminhonete e também dentro da casa do suspeito, no Jardim Curitiba III, em Goiânia. Ézio já estava sendo investigado há cerca de dois meses por alguns roubos a cargas de cigarros. Segundo o delegado, na última quarta-feira (13), ocorreu a um roubo da uma carga próximo a cidade de Trindade, quando as investigações foram intensificadas e culminaram com a prisão.

Durante depoimento, Ezio explicou que começou como sacoleiro, indo ao Paraguai comprar as mercadorias para depois contrabandear para comerciantes em Goiânia. Ele adquiria cada carteira de cigarro num valor de R$ 0,5 e revendia cada uma no valor de R$ 5. “É um cigarro de péssima qualidade e seria vendido para bares, pessoas que comercializam em terminais”, afirmou o titular da Decar.