Operação do Gepatri de Rio Verde leva nove pessoas à prisão

438

BANER PCNove pessoas foram presas pelo Gepatri (Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais) de Rio Verde na manhã desta quinta-feira (14/07), suspeitas de uma série de roubos ocorridos na cidade nos últimos meses. Segundo o delegado Adelson Candeo Junior, “sete homens e uma mulher estavam sendo investigados por participação em vários roubos e uma outra mulher acabou detida porque em sua casa foram apreendidas porções de entorpecentes”.

De acordo com a delegada titular da 8ª DRP, Taisa Antonello, os presos agiam com violência durante os roubos, agredindo fisicamente as vítimas. “Eles chegaram a assaltar mais de uma vez um mesmo comércio em uma única semana”, comentou. Ela destacou que durante a ação da Polícia Civil foram apreendidos muitos objetos furtados ou roubados, como televisores e rodas de veículos.

Conforme revelado pelos policiais, imagens de segurança mostram algumas ações dos criminosos. Entre os assaltos investigados, estão um praticado em um supermercado, outro em um posto de combustíveis, um em um “espetinho”, além de roubos a residências e a propriedades rurais.

Os presos são: Alessandra Silvestre de Almeida, conhecida pelo apelido de “Lili”, 21 anos; Manoel do Nascimento Rocha Filho, 24 anos; Wasley da Silva Crisóstomo, 19 anos; Jonathan Alves Golveia, 24 anos; Danilo Vilela Machado, 22 anos; Leandro Ferreira de Castro, 24 anos; Mateus Junior da Silva, 21 anos; Cledson Pereira da Conceição, 19 anos; e Ana Luiza Gomes Ferreira, 20 anos.