Operação da Polícia Civil em Jaraguá e Goianésia prende 5 pessoas por tráfico de drogas

459
goianesia2
Cinco foram presos durante a operação

Policiais Civis da Delegacia de Polícia e do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (GENARC) de Goianésia desencadearam operação policial de combate ao tráfico de drogas nas cidades de Jaraguá e Goianésia. A ação, realizada no dia 19 de agosto, resultou na prisão de cinco suspeitos de envolvimento com os crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas e ainda na apreensão de quase sete quilos de drogas e duas balanças de precisão.

Segundo o delegado Glênio Ricardo, titular da delegacia local, a primeira operação ocorreu no Bairro Carrilho, onde Míriam Silva França foi flagrada transportando três quilos de maconha. De acordo com investigações, a substância seria entregue para o reeducando do regime semi-aberto, Daniel de Jesus, vulgo “Zuíno”, de 35 anos.

Zuíno, encarregado de buscar drogas em Jaraguá e outras cidades da região, deveria repassar a droga para Adevane Rodrigues de Souza, de 49 anos, vulgo “Guru”, alvo principal das investigações. Segundo o delegado, ambos passaram a ser investigados desde que começaram a cumprir pena no regime semi-aberto.

Míriam, flagrada transportando droga, nada receberia pelo serviço. Ela não tem passagem pela polícia, mas seu namorado cumpre pena no regime fechado por tráfico de drogas. O trio foi autuado em flagrante delito por tráfico e associação para o tráfico de drogas e foram encaminhados para o Centro de Inserção Social, onde ficarão à disposição da justiça local.

Jaraguá
A segunda parte da operação ocorreu no mesmo dia, em Jaraguá. De acordo com as investigações do GENARC, Hiuri Couto Pereira, conhecido por “Gambá”, de 19 anos, foi preso com quase três quilos de maconha, que seriam entregues para o investigado Mateus Magno dos Santos, de 21 anos, que estava na cidade de Goianésia.

goianesia
Droga apreendida soma sete quilos

De posse de tais informações, uma equipe de policiais civis de Goianésia ficou incumbida de localizar Mateus. Ao ser localizado, porém, ele empreendeu fuga e se escondeu às margens do córrego Calção de Couro. Uma equipe do GENARC fez um cerco no local e conseguiu efetuar a prisão de Mateus.

Na casa de Hiuri, foram encontrados e apreendidos quase 600 gramas de maconha e 100 gramas de cocaína, além de duas balanças de precisão e a quantia de R$ 300 em dinheiro. Gambá e Mateus foram autuados em flagrante por serem suspeitos de prática de crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Segundo o delegado Glênio, o grande sucesso da operação só foi possível devido ao empenho dos policiais
civis da delegacia local e do GENARC de Goianésia, que se uniram no combate ao tráfico de drogas. “Mesmo tendo conhecimento da fragilidade de nossas leis penais, a polícia mantém seu trabalho com eficiência”, disse ele, que agradeceu o apoio do delegado regional, Marco Antônio Maia, e do delegado Murillo Leal Freire.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Goianésia