Operação Sono Tranquilo: PC de Morrinhos recaptura cinco que fugiram de presídio local

426
unnamed (73)
Grupo recapturado em Morrinhos

A Polícia Civil de Morrinhos, no sul do Estado, deflagrou, na madrugada de 20 de maio, a Operação Sono Tranquilo, em parceria com o Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da Polícia Militar. Na oportunidade, foram recapturados cinco presos do regime semiaberto que descumpriam a obrigação de retornar ao presídio para pernoite.

Segundo o delegado José Antonio de Podestà Neto, a operação ocorreu após quatro dias de monitoramento, iniciados assim que foram expedidos, pelo Poder Judiciário de Morrinhos, os mandados de prisão preventiva em decisão condenatória.

Entre os suspeitos, estão condenados por estupro, tráfico de drogas, roubo e porte ilegal de arma de fogo. Ao invés de se recolherem ao presídio, dando cumprimento a obrigação imposta no regime semiaberto, os acusados permaneciam nas ruas da cidade, frequentando bares e praticando crimes.

Foram presos Jurandir Arantes de Oliveira, 71 anos; Telmo Augusto Teles de Camargo, 48 anos; Ralf Rosa de Moura, 30 anos, Wellington Martins Borges, 34 anos; e Donizete Amaral Marques, 55 anos. Todos os presos devem cumprir mais de cinco anos de prisão em regime fechado.

“Acreditamos que a cidade de Morrinhos ficará mais segura com o recolhimento desses reeducandos ao presídio local”, declarou Podestà. O delegado agradeceu aos agentes envolvidos na operação, Nilton da Cunha, Eduardo Balduíno e Edevaldo dos Santos.

Podestà ressaltou ainda o apoio dos policiais militares do GPT, CB Cláudio e SD Rezende, que, segundo ele, não mediram esforços para capturar os condenados. “Agradecemos também ao Comandante da 10ª Companhia Independente da PM, Major Leônidas, por mais uma operação conjunta”, concluiu.

Texto: Flávia Guerra – Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Fotos: Polícia Civil / Morrinhos