Operação Vida Cigana da Polícia Civil prende 13 ciganos praticando crimes em Goiatuba

745
Armas
Armas apreendidas pela Polícia Civil na Operação Vida Cigana

A Polícia Civil prendeu 13 ciganos durante a Operação Vida Cigana, deflagrada hoje (27.03), em Goiatuba. Desses, 11 foram presos em flagrante por crimes de furto, posse e porte de arma de fogo com numeração raspada e dois foram por força de Mandado de Prisão Preventiva.

Participaram da operação Policiais Civis de Goiatuba, Piracanjuba, Buriti Alegre, Cachoeira Dourada, Itumbiara, Pontalina, Bom Jesus, Morrinhos, Caldas Novas e Joviânia, todas vinculadas à circunscrição da 6ª Delegacia Regional de Polícia (DRP), de Itumbiara, além de policiais do Grupo de Elite da Polícia Civil, o GT3, e da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores.

A Operação Vida Cigana foi deflagrada em decorrência de investigação preliminar realizada pelos Policiais Civis de Goiatuba, sob o comando do Delegado de Polícia Gustavo Carlos Ferreira, Titular dda Delegacia de Polícia do município. Todo o trabalho foi supervisionado pelo Delegado Regional de Itumbiara, Ricardo Torres Chueire, que contabilizou a participação de 6O policiais e 11 Delegados na operação desencadeada hoje, em Goiatuba, onde foram cumpridos também Mandados de Busca e Apreensão. Como a ação foi direcionada também à pessoas envolvidas com o furto de energia, saúde pública e posturas, a Polícia Civil contou com a colaboração da Celg e Vigilância Sanitária e de Posturas de Goiatuba.

cigano
Ciganos presos na operação da Polícia Civil

A operação foi batizada de Vida Cigana pelo fato de que foi direcionada à comunidade cigana do município. As investigações foram iniciadas a partir de reclamações veementes feitas pela comunidade, dando conta abusos praticados por ciganos foram fuma vez que a comunidade local reclamava de forma veemente dos abusos praticados por ciganos.

“Muitos de seus membros agiam totalmente em desacordo com a lei e os bons costumes. Alguns portavam armas de fogo e praticavam o furto de energia”, assinalou o Delegado Gustavo Carlos Ferreira, de Goiatuba. A Polícia Civil, lembrou Ricardo Chueire, tem recebido também muitas reclamações de ciganos na mesma prática criminosa em Caldas Novas e Itumbiara.

Texto: Delegado de Polícia Norton Luiz Ferreira – Assessor de Comunicação da Polícia Civil
Fotos: Polícia Civil