Padrasto suspeito de abusar da enteada é preso em Luziânia

396

A Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente de Luziânia cumpriu mandado de prisão temporária, nesta quarta-feira (18), contra S.L.O. (35 anos), suspeito de praticar reiterados abusos sexuais contra sua enteada de apenas 10 anos.

A mãe da vítima procurou a delegacia especializada no dia 18 de dezembro de 2017 para fazer a denúncia. Diante da gravidade da situação, a equipe da polícia civil conferiu celeridade ao caso, o que, no dia seguinte, viabilizou o oferecimento de representação pela decretação da prisão do agressor.

O respectivo mandado de prisão foi expedido em 22 de dezembro e a partir de então, os agentes de polícia civil empreenderam inúmeras diligências para dar cumprimento à ordem judicial. Os policiais encontraram diversas dificuldades para localizá-lo, tendo em vista que o investigado fugiu e passou a residir em local incerto. Na manhã desta quarta-feira, a equipe PC conseguiu  localizar e prender S.L.O., no bairro São Caetano.