PC e PM fecham casa de prostituição em Caiapônia

615

WhatsApp Image 2017-11-18 at 12As Polícias Civil e Militar de Caiapônia retomaram ações de combate à exploração sexual no município e fecharam a Casa de Prostituição AeroSexy na sexta-feira (17). Na ação, os proprietários do estabelecimento, Jocimar Anatônio de Oliveira e Gheisa de Sousa Oliveira, foram autuados por favorecimento à prostituição e por manter casa de prostituição, além de corrupção de menores. Eles mantinham uma menor de idade como gerente do local.

Durante as diligências, foi constatado que os autores agenciavam mulheres de outros municípios para a prostituição e as mantinham todas sob a administração do casal, que tinha ganhos financeiros com a atividade.

WhatsApp Image 2017-11-18 at 120
Casal autuado por manter casa de prostituição em Caiapônia

Foram apreendidos centenas de folhetos publicitários do prostíbulo e cartões de apresentação que reportavam nitidamente a atividade de prostituição no local, além de cadernos de contabilidade e controle das atividades das garotas de programa.

Segundo o Delegado Marlon Souza Luz, responsável pelas ações, os clientes dessas menores também podem ser presos. Ainda segundo a autoridade policial, os locais de exploração sexual têm contado com a conivência de autoridades, o que facilita a atividade dos exploradores e até mesmo o tráfico humano. O delegado afiança que esse a prática desse tipo de crime não será tolerada em sua circunscrição.