Polícia Civil atua no combate ao Aedes Aegypti em Anápolis

300
Policiais civis atuaram junto à Vigilância Sanitária e Departamento de Combate a Endemias.
Policiais civis atuaram junto à Vigilância Sanitária e Departamento de Combate a Endemias.

Não só de combate ao crime vive a Polícia. Em Anápolis, uma equipe de policiais civis está apoiando agentes da Vigilância Sanitária e do Departamento de Combate a Endemias na luta contra o Aedes Aegypti. Nesta terça-feira (05/01), os servidores participaram de ações nos bairros São João e Arco Verde, onde foram identificados imóveis com criadouros de larvas do mosquito.

As regiões onde aconteceram as ações têm registrado casos de dengue e muitos fiscais não estavam sendo autorizados por moradores a entrar nos imóveis, razão pela qual a Polícia Civil foi acionada para dar apoio aos trabalhos. De acordo com o delegado Álvaro Cássio dos Santos, titular da 3ª DRP, o serviço terá sequência no próximo dia 12, em outros bairros da cidade.

O Aedes Aegypti, também chamado de pernilongo-rajado, é considerado vetor de doenças graves como a dengue, a febre amarela, a febre zika e a chikungunya.