Polícia Civil celebra 102 anos do inspetor Galeno na Deic

591
IMG_4287
Galeno: mais de meio século de dedicação à Polícia Civil de Goiás

O ano era 1961: enquanto o filho de Pedro Ludovico Teixeira, Mauro Borges, lutava pela frágil democracia brasileira ao lado de Leonel Brizola durante a legendária Campanha da Legalidade, uma lenda local era empossada nos quadros da Polícia Civil de Goiás: Galeno Nicodemos Braga, o inspetor Galeno. Ao completar 102 anos de vida, ele foi homenageado pelas delegacias e grupo especializados do complexo da PCGO localizado na Cidade Jardim na manhã de sexta-feira (11).

O veterano da Polícia Civil foi recebido pelo titular da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), delegado Valdemir Pereira (“Branco”). Grande parte dos policiais civis que se encontravam no Complexo das Delegacias Especializadas compareceu à Sala de Imprensa da Deic, onde se celebrou a homenagem ao inspetor Galeno, para dirigir felicitações ao colega veterano.

Além de ser respeitado pela trajetória na Polícia Civil, Galeno também impressionava pela vitalidade. Ele comparecia ao trabalho diariamente e cumpria o expediente de forma integral, até sofrer uma queda em março deste ano. “Ele caiu enquanto corria para pegar o ônibus para vir à Deic”, relata Maria Galeana Braga de Sousa, filha do inspetor Galeno. A atual esposa do policial decano, Clarinda Martins, acompanhou-o na solenidade.