Operação Policarpo: Polícia Civil de Goianira desmantela mais um laboratório de drogas

536
laboratório
Joseilde Cláudia e os dois adolescentes apreendidos

Policiais civis de Goianira, na região metropolitana de Goiânia, estouraram, no dia 13 de outubro, um laboratório de drogas situado em residência no Setor Verdes Mares. A diligência foi um desdobramento de uma operação deflagrada no dia 25 de setembro, batizada de “Policarpo”, quando 12 investigados foram presos e quatro adolescentes apreendidos.

O nome da operação constituiu uma alusão ao sobrenome de nove dos 16 investigados presos/apreendidos até então. Na oportunidade, foram apreendidas duas pistolas semi-automáticas, munições, crack, cocaína, maconha e aproximadamente R$ 29 mil em espécie, além de três automóveis.

Após a deflagração da operação, as investigações se aprofundaram e os agentes de polícia conseguiram identificar o imóvel onde o laboratório da associação criminosa funcionava. No local, foram apreendidas munições de calibres 32 e 38, maconha, crack, insumos para o preparo de drogas (ácido bórico e cafeína), éter, pasta base de cocaína, balanças de precisão, uma prensa, uma forma e um liquidificador, impregnados de cocaína.

Na ação, Joseilde Cláudia dos Santos, proprietária da residência, foi presa em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de munições. Dois adolescentes, um deles filho de Joseilde, foram apreendidos. Segundo o delegado Vinícius Telles, chama atenção o fato de um dos adolescentes ter sido apreendido no dia 25 de setembro, mas colocado em liberdade cinco dias depois, por falta de vagas no sistema estatal de internação.

A Polícia Civil afirma que há elementos informativos robustos que ligam a associação criminosa presa em setembro ao laboratório desmantelado. Com o flagrante do dia 13 de outubro, o número de presos na operação sobe para 13, além de cinco adolescentes apreendidos. De acordo com Vinícius Telles, nos próximos 30 dias, prazo para que o inquérito seja concluído, há a possibilidade de novas buscas e prisões.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Goianira