Polícia Civil de Jaraguá prende acusado de abuso contra primas. Meninas têm 6 e 8 anos

328
marcos vinivius_jaragua
Marcos Vinícius

A Polícia Civil de Jaraguá, no centro goiano, prendeu, no dia 25 de julho, Marcos Vinícius Dias dos Santos, de 19 anos, suspeito de praticar atos libidinosos contra duas crianças, de seis e oito anos de idade, filhas de sua tia. Marcos teria abusado das crianças e ameaçado matá-las, caso contassem a alguém sobre o ocorrido.

Segundo o delegado Webert Leonardo, a mãe das crianças compareceu à delegacia dizendo ter notado comportamento estranho nas meninas, com postura retraída, tristes e aparentemente assustadas. À polícia, a mulher contou ainda que notou que a criança menor caminhava de maneira diferente, com as pernas abertas.

Ao verificar a genitália da filha, a mãe teria notado aspecto diferente. A criança mais velha relatou, então, à mãe que, durante a noite, o primo teria tentado movimentar suas pernas, mas sem maiores consequências. A caçula, no entanto, contou que Marcos teria tentado beijá-la e que passou as mãos, com força, em suas partes íntimas.

Por fim, a criança violentada afirmou que, no momento da violência, o suspeito teria a ameaçado, dizendo que, se ela gritasse, “iria pegar uma faca e cortar seu pescoço à noite”. As duas crianças confirmaram que o responsável pela violência foi, de fato, Marcos Vinícius.

Ainda no depoimento, a genitora das crianças afirmou que encontrou, no cesto de roupas sujas, uma camiseta do investigado, contendo substância com características de sêmen humano. Indagado a respeito, Marcos confirmou que era material seu, mas negou que tivesse realizado a violência com as crianças.

De posse das informações, a Polícia Civil de Jaraguá realizou diligências imediatas à procura do suspeito, realizando sua prisão em flagrante. A vítima mais nova foi encaminhada ao IML, onde um laudo preliminar emitido por um especialista, diagnosticou anormalidade no órgão genital da criança, todavia, sem rompimento de hímen.

Texto: Flávia Guerra – Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Jaraguá