Polícia Civil de Joviânia desvenda crime de tráfico comandado de dentro do presídio da cidade

812
joviania
José Antônio e Adriele

Após dois meses de investigação, a Polícia Civil de Joviânia, no sul de Goiás, conseguiu desvendar um esquema de tráfico de drogas que era operado do interior da cadeia pública da cidade. Um homem e uma mulher foram presos por participar do esquema.

Segundo o delegado Fabiano Henrique Jacomelis, que conduziu o trabalho investigativo, os reeducandos Ivanildo da Silva Batista e Warlem Mendonça Silva estavam utilizando aparelhos celulares para comandar, mesmo presos, uma rede de tráfico na cidade.

De acordo com as investigações, Adriele Fernandes Santos, companheira de Ivanildo, ficava responsável por pagar os fornecedores, receber a substância entorpecente e repassar a droga aos revendedores. A mulher, grávida de oito meses, teria o apoio de Jose Antônio Rodrigues para transportar e esconder a droga.

No dia 4 de junho, após investigações, os agentes de polícia Fabiano Pires Amaral Franco e José Roberto Domingos da Silva conseguiram flagrar Adriele e José Antônio no momento em que haviam acabado de enterrar 40 gramas de crack, às margens da estrada vicinal que dá acesso ao povoado de Guarilândia, na zona rural de Joviânia.

A Polícia Civil deve, agora, representar pela prisão preventiva de outros suspeitos, que estariam encarregados de revender a droga na cidade, bem como dos reeducandos que comandavam o crime de dentro da cadeia. Todos devem ser indiciados pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico.

Texto: Flávia Guerra – Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Fotos: Polícia Civil / Joviânia