Polícia Civil de Luziânia apreende menores suspeitos de homicídio

264

menores luziania2A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai), com apoio do Grupo de Repressão a Crimes Patrimoniais (Gepatri) de Luziânia, cumpriu, nessa quinta-feira (2), mandado de internação por homicídio qualificado em desfavor dos adolescentes D.P.A e P.B.S.L.

Os menores tiveram sua internação decretada pela Vara da Infância e Juventude, haja vista terem participado do homicídio que vitimou Thiago dos Reis, ocorrido no Parque Mingone II, em maio de 2016.

De acordo com as investigações, Thiago foi morto por motivo banal, depois de discutir com os autores. Durante uma festa, os menores teriam se recusado a beber no copo da vítima, alegando que a mesma estaria contaminada pelo vírus HIV, o que teria motivado o início da briga.

Na briga, Thiago foi atingido por uma facada e morreu no local.  Em 2017, a Polícia Civil já prendeu 11 suspeitos de homicídios apenas em Luziânia.