Denarc prende 80 usuários e três traficantes em festa movida a drogas no Jardim Primavera

300

Evento ocorreu na madrugada
de domingo, em pesque-pague,
e levou à prisão 3 traficantes e
 80 usuários, alguns com
menos de 18 anos

Três traficantes foram autuados em flagrante e 80 pessoas foram presas por uso de drogas durante uma festa, na madrugada de domingo, em um pesque-pague no Jardim Primavera, em Goiânia.

O delegado Odair José Soares, titular da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), foi com outros 2 delegados, 16 agentes e 4 escrivãos e montou uma espécie de sucursal da delegacia na área da festa. “Chegamos por volta das 23h30 de sábado e ficamos até as 6h30 de domingo. Prendemos uma pessoa a cada quatro minutos”.

Em uma das prisões, quando quatro estudantes da Universidade Federal de Goiás (UFG) compartilhavam um cigarro de maconha, um policial civil da Denarc acabou agredido por um estudante de Medicina e teve a clavícula deslocada. O estudante foi autuado por resistência, desacato e lesão corporal, além do uso de droga.

Em outro, o filho de um policial militar se revoltou ao receber voz de prisão por estar fumando maconha. “Ele morou na Inglaterra muito tempo e disse que sempre ia a Holanda fumar maconha, chamando o Brasil de país atrasado”, contou o delegado. Ele chegou a rasgar o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), no qual foi indiciado por uso de drogas.

Todos os presos autuados através de TCO por uso de drogas e depois liberados pela Polícia Civil. Três traficantes foram autuados por tráfico e permanecem presos. Dois deles vendiam ecstasy e não tiveram os nomes divulgados porque a investigação terá desdobramentos.

O outro, Ezequiel Silva Pajeu, de 23 anos, foi preso com 45 comprimidos de ecstasy e 80 gramas de maconha escondidos no tênis que usava. Ezequiel já tinha passagem por roubo e cumpre pena no regime semiaberto. Na festa foram apreendidas porções de maconha, haxixe, LSD, cocaína e ecstasy. O total ainda não foi divulgado porque a perícia nas drogas apreendidas foi feita em cada um dos procedimentos de prisão, separadamente.

Cinco adolescentes foram encontrados na festa usando drogas. Dois foram entregues aos pais, dois foram encaminhados ao Juizado da Infância e Juventude, presente na festa também, e um foi entregue ao Conselho Tutelar. Cerca de 5 mil pessoas estiveram na festa.

Fonte: O Popular
Ilustração: Google