Polícia Civil destrói duas mil máquinas caça-níqueis apreendidas a partir de 2005

282

Caminhão da Polícia Civil faz o transporte das máquinas até o lixão da Prefeitura, onde acontece a destruição

A Polícia Civil está destruindo cerca de duas mil máquinas caça-níqueis. A destruição, que começou na última terça-feira e está sendo feita no lixão da Prefeitura, na saída para Trindade, é acompanhada por Peritos da Polícia Técnica e Científica e por representantes do Poder Judiciário e do Ministério Público. Os caça-níqueis que estão sendo destruídos são resultados de apreensões feitas a partir de 2005 e só agora possível a realização desse trabalho graças a autorização do judiciário.

As máquinas destruídas estavam guardadas no pátio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA) e no galpão da Secretaria de Gestão e Planejamento, localizada no fundo do Aeroporto de Goiânia. O objetivo é destruir até a próxima semana todas as máquinas guardadas nos dois locais.

Trator faz o trabalho de destruição das máquinas caça-níqueis