Genarc, de Anápolis, apreende maconha, cocaína e produtos químicos com traficantes

673

A Polícia Civil, através do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos – GENARC de Anápolis apreendeu, na madrugada da última terça -feira (25/01), 10 quilos de maconha e 2,6 quilos de cocaína, além de grande quantidade de cafeína, ácido bórico, éter, uma balança de precisão e vários aparelhos eletrônicos de origem supostamente ilícita. A apreensão foi feita na residência dos amigos Renato Gomes de Lima, vulgo “Favela” e Fabrício Alves Mangabeira, no Residencial das Flores, na região norte da cidade.

Drogas e produtos químicos apreendidos pela Polícia Civil

Segundo o Delegado Alex Nicolau do Nascimento Vasconcellos, titular do GENARC, após dois meses de investigações, foi possível comprovar a associação de ambos para a tráfico de drogas que vinha de Aparecida de Goiânia. O Delegado ressaltou que durante a operação, foi possível fazer ainda a detenção de um usuário que havia acabado de adquirir drogas de ambos, ratificando a venda de drogas por parte de “Favela” e Fabrício.

Alex acrescentou ainda que no final de semana os Policiais Civis, durante cumprimento de Mandado de Busca e Apreensão realizou a prisão em flagrante de Max Miliano de Moura Oliveira, apontado como o maior traficante do Setor Santa Maria de Nazaré e ainda cumpriu dois Mandados de Prisão em desfavor de Roberto Carlos Pereira e Rodrigo de Souza, ambos acusados de homicídio.

Na oportunidade, o Delegado fez elogios aos Agentes de Polícia João Nunes da Silva, Francisco Elivandro Rezende dos Santos, Marcus Antônio Galvão, Moacy Manoel de Morais, Kenio Tchan Rodrigues Silva, Marcus Vinícius Pereira Lima e Wagner José Marques Karklin e aos Escrivães de Polícia Osvaldimar Nonato Gomes Pereira e Sidney Silva de Figueiredo pelos esforços empreendidos diuturnamente no combate ao tráfico em Anápolis e Região.