Genarc, de Goianésia, prende traficantes e apreende 10 kg de maconha para o Carnaval

627

Em destaque, os traficantes presos com os 10 kg de maconha e, no detalhe, Flaviano Pereira conduzido por Policial Civil logo após a sua  prisão

Paulen Pires dos Santos . de 22 anos, e Walas França Miranda, de 19 anos, foram presos por Policiais Civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc), de Goianésia,  na última sexta-feira, com 10 kg de maconha. De acordo com o Delegado de Polícia Marco Antônio Maia Junior, Titular da 15ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) e Coordenador do Genarc, a droga apreendida seria comercializada durante o Carnaval de Goianésia. Além da maconha, os policiais apreenderam também com a dupla uma espingarda calibre 36 municiada.

A apreensão da droga não aconteceu por acaso. Disse Marcio Antônio Maia que Paulean, dono dos 10 kg de maconha apreendidos, estava sendo monitorado pelos Policiais Civis, em função de denúncias recebidas pela Polícia Civil, aliado ao fato de que ele já tem condenação por tráfico de droga. Em 2012, Paulena ficou 11 meses presos, foi colocado em liberdade e voltou a traficar. A maconha estava escondida na casa de Walas França, onde os Policiais Civis apreenderam também um veículo roubado na noite anterior e a vítima colocada em seu porta malas.

Na mesma ação que prendeu Paulean e Walas, os policiais conduziram outros 10 usuários e pequenos traficantes de drogas à Delegacia de Goianésia.  O Delegado Marco Antônio Maia Junior afirmou que as ações de combate ao crime de tráfico de drogas na região estão sendo intensificadas, dentro da filosofia empregada pela diração da Polícia Civil no sentido de combater o pequeno tráfico que tanto tem incomodado a sociedade goiana, provando muitos homicídios.  Lembrou o Delegado que só nos últimos cinco dias seis pessoas foram autuadas pelo crime de Tráfico de Drogas na região.

                                                                            Crack

No final da tarde de quinta-feira (20/02), um dia antes da apreensão dos 10 kg de maconha, os Policiais Civis do Genarc, de Goianésia, tinham apreenderam meio kg de Crack, droga que seria também vendida no varejo durante o Carnaval local. A droga estava escondida na porta do veículo do traficante Flaviano Pereira de Olvieira, de 30 anos, que foi autuado em flagrante.

Crack apreendido no veículo de Flaviano Pereira

Flaviano  Pereira,  que já estava sendo investigado pelo por ser suspeita de fornecer drogas no município de Barro Alto, Jaraguá e, principalmente  Goianésia,.tentou fugir de uma barreira montada pelos Policiais Civis do Genarc, com apoio dos Policiais Rodoviários Estaduais, com apoio de Policiais rodoviários estaduais. Perseguido, o traficante acabou preso logo após fazer uma manobra brusca e empreender fuga por outra estrada.   

Disse o Delegado Marco Antônio Maia, Coordenador do Genarc, que as investigações apontavam Flaviano Pereira como um médio traficante. Ele residia em Goiânia e semanalmente fornecia drogas para traficantes de Goianésia, Barro Alto e Jaraguá. O traficante usava de “artimanhas” para não ser preso e dificultava a ação policial, utilizando veículos, horários e rotas diferentes ao transportar drogas para estas cidades.

 “O combate ao crime de tráfico de drogas e os crimes fomentados por este serão intensificados na região”, disse Marco Antônio Maia, ressaltando o empenho e o trabalho desenvolvido pelos Agentes e Escrivães da Polícia Civil, os quais, na sua opinião, não medem esforços para garantir a segurança da sociedade, mesmo que se tiverem de prolongar os trabalhos de investigação nos finais de semana e feriados.

Texto: Delegado de Polícia Norton Luiz Ferreira – Assessor de Comunicação da Polícia Civil
Fotos: Polícia Civil / Genarc