Polícia Civil prende 22 pessoas de quadrilha suspeita de furtar eletroeletrônicos em Goiás

273

Quadrilha presa pela Polícia Civil na Operação Eletrocrime

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta terça-feira (11), uma quadrilha suspeita de furtar equipamentos eletrônicos em residências e lojas especializadas de Goiânia e do interior do estado. Ao todo, 22 pessoas foram detidas na operação denominada “Eletrocrime”, realizada pela Delegacia de Investigações Criminais (Deic).

Dos 24 mandados de prisão expedidos, 22 foram cumpridos em Goiânia e Aparecida de Goiânia. Oito deles foram para suspeitos que já estavam recolhidos antes da operação ser deflagrada, sob a acusação de tentarem arrombar um caixa eletrônico em Bela Vista de Goiás, Região Metropolitana da capital. Com eles, foram apreendidas dez bananas de dinamite e três armas de fogo.

Segundo a Polícia Civil, o foco da quadrilha era o roubo em residências. Mas de acordo com a delegada titular da Deic, Adriana Ribeiro, eles também furtavam lojas de equipamentos eletrônicos.

A delegada explicou como eles agiam nesse caso: “Um casal entrava na loja com uma caixa de presente forrada com papel laminado. Essa cobertura tinha a função de driblar o sensor de alarme que fica nas peças do mostruário”. A investigação começou há quase um ano, depois que a Polícia Civil percebeu um aumento no número de roubos a residências em todo o estado.

Fonte: G1/GO